top of page

Rede de apoio vai promover Oficina de Escrita Dirigida para Enlutados

Ouça a entrevista com Fabiana Gradela Casarini, idealizadora e facilitadora da oficina

Tarde Nacional No AR em 22/07/2020 - 13:31


O Tarde Nacional conversou com a psicóloga Fabiana Gradela Casarini, idealizadora e facilitadora da Oficina de Escritas para Enlutados. A Rede de Apoio às Famílias e Amigos de Vítimas Fatais de covid-19 promove a oficina, para que o participante expresse o que sente por meio da escrita.

Confira a entrevista no player abaixo:


Fabiana explicou que a oficina é um espaço de acolhimento e é um convite a todos que vivem o luto.

De acordo com ela, as pessoas desconhecem o poder da escrita como recurso organizador em um momento de perda.

"Por que escrever nesse momento? Quando a pessoa está vivendo uma experiência traumática, de luto, a palavra escrita pode oferecer outro percurso de entendimento daquela perda", disse.

Coorganizadora e coautora do livro "Perdas Compartilhadas", uma coletânea sobre perda parental, a psicóloga percebeu que escrever sobre os sentimentos de perda traz benefícios físicos e mentais.

"A ideia não é a preocupação literária dessa produção, mas é a expressão em si", afirmou.

Serão realizados três encontros on-line, com duração de até uma hora e meia cada. Para mais informações, é só acessar Perdas Compartilhadas ou enviar um e-mail para narrativas@leren.com.br.

7 visualizações0 comentário

Kommentare


bottom of page