top of page

Quer mais resultados na empresa? Faça a pergunta certa.


Se você “googlar” esta pergunta (mais resultados nas empresas), vai logo de cara perceber que as respostas são focadas em algum pedaço do seu negócio.

Tem solução focada em marketing, em vendas, em processos, em finanças em treinamento e por aí vai.


O curioso é ser difícil aparecerem respostas honestas e não mágicas, existe muito “populismo” no mercado de soluções, promessas impossíveis e pré-montadas.


Talvez porque e muito reconfortante imaginar a existência da pílula magica que tudo resolve e que demanda pouco ou nenhum esforço. Ok, É da natureza humana procurar o caminho mais fácil, não é?

Essa abordagem simplória até funciona ou funcionava quando você tinha uma empresa estável num mercado estável e você podia literalmente consertar a empresa. A torneira quebrou, troca a torneira. A equipe não está funcionando, treinamento de trabalho em equipe. Estou sem visão do que acontece, sistema de controle.


Esse esquema de “conserto único” é mais fácil de entender e de vender, mas isso funciona hoje em dia?


Acredito que não dá para separar como a natureza funciona e como as empresas funcionam, e se isso é verdade, então as soluções do tipo peça única são inadequadas para quem busca remédio e não só sedativo ou paliativo.


Mas isso, também vem muito das perguntas mal formuladas.

Imagine sua empresa como um carro de corrida, se você perguntar como deixar ele mais rápido a um mecânico ele talvez vá sugerir um ajuste ou mudança no motor, se você perguntar ao engenheiro talvez ele proponha um novo desenho aerodinâmico, o fabricante de pneus trará uma nova composição dos pneus e o fornecedor de gasolina, um aditivo.


Mas a pergunta deveria ter sido como ganhar a corrida ou ainda como ganhar o campeonato, ficar mais rápido pressupõem que ficar mais rápido é a solução para vencer corridas ou campeonatos, mas talvez chegando em segundo ou terceiro em todas as corridas te dê o campeonato, ou que para o circuito X uma suspensão melhor é o que interessa.


E na empresa a questão é a mesma, se você perguntar como ter pessoas mais bem preparadas, por exemplo, o resultado é que você terá melhores treinamentos, ou sistemas de gerenciamento de treinamentos, ou ainda novas contratações. Mas a pergunta é essa? Isso interessa a empresa ou o que interessa é ter mais resultados ou ter menos gastos? Talvez com essa pergunta você tenha treinamentos, mas muito provavelmente a resposta será mais ampla e principalmente mais assertiva.


Então, o ponto é segurar a resposta antes de fazer as perguntas, se você perguntar ao médico por um analgésico no lugar de como deixar de ter dor de cabeça, você provavelmente obterá um analgésico, não é?


Se você na área de desenvolvimento, responde com um treinamento simplesmente porque o gestor de pediu um curso, você assume que o gestor já fez as análises devidas para concluir que formação é o remédio devido ou será que ele não quer ser colocado na conta do possível problema, ou que você não quer levantar essa questão, afinal atender o pedido é mais simples, não é assim?


Outro ponto muito importante, é entender que o seu fornecedor de sistemas, treinamentos, coaching, ou seja, o que for, vive disso e muitas vezes ele não terá nenhum benefício em te oferecer uma solução que não seja a dele. Não é que ele seja desonesto, é que ele tem o foco numa categoria única de solução.


Voltando a comparação com médicos, se você perguntar a um cardiologista por que tem dor no peito, ele tratará o problema como possivelmente sendo da área dele primeiro, para “talvez” considerar a possibilidade que a angústia de ter perdido um familiar é que estava gerando a dor no peito. É por isso que em muitos países você só chega num cardiologista após passar por um médico geral, que se for bom vai começar perguntando sobre a sua vida antes de partir para um eletrocardiograma como teria feito o cardiologista.


Então, te pergunto, você está querendo mesmo encontrar soluções ou esta querendo pular o problema de forma rápida e barata?


Gostou compartilha, dá um "like". Ficou com dúvida ou tem uma opinião diferente deixe um comentário, quer ajuda para trabalhar processos assim na sua empresa manda um e-mail para nós contato@leren.com.br



25 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page