top of page

Jogos Digitais no desenvolvimento corporativo- Porquê usá-los!


Você prefere um videogame ou um e-learning?

Se você for como eu, deve ter respondido videogame sem muita hesitação. E o motivo é simples, videogames são desenhados para manter você jogando, mas boa parte dos e-learning parecem desenhados para desafiar a sua força de vontade.

Plataformas de e-learning como Hotmart relatam taxas de evasão próximas de 50% de pessoas que escolheram e pagaram por um dado treinamento.

Qual a taxa real de evasão dos e-learning na sua empresa e quais resultados eles trouxeram?

  • O 1º fato é que as intenções dos e-learnings, reduzir custos, facilitar o acesso e disponibilidade de formação (temporal e geográfico), tem um grande apelo financeiro e operacional.

  • O 2º fato é que a efetividade deles é (muito) menor do que é esperado.

  • O 3º fato é que um e-learning não serve para ensinar, se não houver engajamento. Atire a primeira pedra que não clicou numa tecla avançar para que um dado curso acabasse logo.

É ai que jogos educacionais digitais entram, primeiro porque como qualquer jogo a intenção deles é manter você jogando, porém isso ocorre enquanto você está aprendendo, muitas vezes sem perceber.

O outro grande ponto a favor dos jogos digitais do processo intrínseco a eles, e que se você já dominar um dado conteúdo irá passar pela fase associada por esse conteúdo rapidamente, e ficará numa dada fase até que tenha dominado o respectivo conteúdo, a tecla avançar não existe.

Não menos importante é que eles permitem emular, diminuir ou aumentar um dado ambiente para criar situações que não seriam aceitáveis de outra forma e fornecer feedbacks instantâneos ao participante ou ao time.

Como o jogador expressa seu comportamento pela forma como interage com os elementos oferecidos, pode-se oferecer caminhos distintos para desenvolver ou corrigir formas de atuação.

Mas jogos são mais complexos e caros do que e-learnings? Normalmente sim se você olhar só os custos e tempo de produção, mas desconsiderar os resultados. Mas quão mais caro? Depende, de quem irá fornecer o e-learning ou o jogo educacional, afinal existem os custos gerais a que me referi acima e os preços que divergem muito de fornecedor a fornecedor. Afinal quando devo usar jogos educacionais? · Primariamente, na maioria dos casos em que você consideraria um e-learning, mas que a aquisição de determinado conhecimento ou habilidade é crítico para o negócio · Também onde necessito de maior interação ou possibilidades, como numa simulação ou avaliação de comportamentos.

Você tem experiências similares as situações acima descritas, compartilhe aqui.

Caso tenha gostado do artigo, agradecemos dar um “like” e compartilhar para que mais pessoas possam se beneficiar dele.

Para conversar mais entre em contato através de nossa página:

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page